sábado

Fechado para reparos...

Talvez volte,
Talvez mude de endereço...
não sei o que fazer ainda.
Pensarei numa solução.

Só uma perguntinha: Camille, cadê você???

11 comentários:

Julie disse...

Eis a pergunta que nao quer calar...

E +, ve se voce também nao some e nos deixa orfas, viu!

Bom findi!
Beijinhos

Lidiane disse...

Mas faz o favor de não fazer como a Camille e sumir.
Sinto falta de lá.

Camille, cadê você?

Camille disse...

Ah, não! No dia em que eu volto, descubro que a senhorita tomou a mesma decisão? Dai, nem pensar... Volta aí, eu voltei, vamos juntas. Troca tudo, que nem eu. Roupa nova sempre caí bem. Minha casa nova é essa: http://camomilleb.blogspot.com/
Beijos grandes.

Sara disse...

é não vai não...se não eu mando o grupo de bombeiros que já estava pronto pra buscar a força a camille e colocar um tecladinho na mão dela aí pra brasilia buscar a senhorita...rs..

bjks

vou te passar meu msn, se quiser bater um papo uma hora dessas, adoraria.

sagraci@hotmail.com

Mani disse...

Tá, mas faz favor de avisar onde te encontro ...

Wagner disse...

Ai, mas logo agora que eu voltei também?!?!?! Bom, espero que você pelo menos leia estes comentários e me (re)descubra. Em todo caso, espero que não suma de vez.

Abraço!

Sara_Evil disse...

Pois é as coisas veem e se vão assim, deixando só lembranças e um pouco do que foi o que eu fiz nesse tempo todo, para que tudo se transformase no que sonhei e no que sequer quis um dia...antes eu imaginava, mas agora eu sei que somos peregrinos da alma.

Ve se aparece, e se não deixa de sonhar.

Paz

Sara_Evil.

Lidiane disse...

D.

Não consegui comentar lá. Parece que o acesso é permitido apenas aos membros, então vai por aqui.

Espero que chegue até você.

Beijo carinhoso.

-----
Querida, sabe a conclusão que eu cheguei, ainda que ela pareça insana?
Aqueles que, de verdade, sentem o mundo, os que sofrem, se lamentam, riem e vivem de verdade, aqueles que têm alma em poesia, ainda que façam prosa... esses são os artistas do mundo.
E são pessoas grandiosas.

Ane disse...

eita...
a gente não pode impedir reformas, paradas, idas e voltas...
a gente tá na vida, algo que está sempre em reforma, derrubada de paredes, pinturas novas, pás e tijolos no meio do caminho.

eu gosto daqui, menina.
e de você.
beijo e carinho.

Turmalina disse...

Ai.... que saudade!!!!
Beijos

Ingrid Littmann disse...

Senhora da Lua, VOLTE JÁ!!!!!!QUANTO TEMPO LEVARÁ ESSE TAR DE REPARO????????

BEIJOS